Vila Torres Digital

Setran inicia blitze educativas nas escolas de Curitiba

Operação Volta às Aulas começou nesta quinta-feira (13)

| Notícias - 17/02/2014 16:56

A operação Volta às Aulas 2014 teve início nesta quinta-feira (13) na região do CMEI Vila Torres, no bairro Prado Velho. Agentes da Secretaria Municipal de Trânsito (Setran) distribuíram folhetos educativos aos pais dos alunos e também aos motoristas nos semáforos do entorno do centro educacional.

“Estamos fazendo uma orientação com todos que circulam na região, pedestres e motoristas. Conversamos sobre o momento e a forma adequada de travessia, o respeito à sinalização e aos limites de velocidade na frente das escolas, que é de 30 quilômetros por hora. A intenção é que todos tenham um comportamento correto e com isso consigamos proporcionar um trânsito mais seguro para toda a população nas áreas próximas às escolas”, informa Cassiano Novo, diretor da Escola Pública de Trânsito da Setran.

As ações nas escolas municipais seguem até o final de março em escolas municipais e particulares da cidade. Além das abordagens e blitze educativas, os agentes da Setran realizam ações de fiscalização para verificar estacionamento irregular, coibir as filas duplas e o desrespeito às faixas de pedestres e travessias elevadas. A Urbanização de Curitiba S/A (Urbs) faz a fiscalização do transporte escolar. “Indicamos aos motoristas e pedestres atitudes simples, do dia a dia, que com certeza fazem a diferença e evitam acidentes no entorno das escolas”, lembra a agente de trânsito Dalva Maria dos Santos.

“Também sou motorista e sempre oriento minha filha a seguir as regras do trânsito, para a segurança dela e de todos. É importante esse trabalho de educação do trânsito que é feito na escola, ajuda as crianças a se conscientizarem ainda mais. No futuro, minha filha poderá ser uma motorista mais consciente tendo as informações de segurança”, diz Maria Nilma Souza, agente de call center, que tem uma filha de 7 anos estudando no CMEI Vila das Torres.

Segundo o diretor da Escola Pública, alguns pais têm percepção da importância da segurança no trânsito para seus filhos, mas outros não valorizam tanto essa questão. “Por esta razão fazemos uma abordagem de sensibilização, não entregamos apenas um folheto educativo para os pais. Conversamos com todos para provocar uma auto-avaliação, para que percebam os riscos e possam dar exemplo adequado aos seus filhos. As crianças imitam muito seus pais. Se eles têm condutas adequadas ou seguras, a criança vai crescer se comportando da mesma maneira”, confirma.

 

Via Bem Paraná

Realização: