Vila Torres Digital

Moradores da Vila Torres ganham Armazém da Família

Armazém é o 33º da capital paranaense e oferece produtos de qualidade com preços mais acessíveis

| Notícias - 27/06/2016 17:20

O 33º Armazém da Família de Curitiba foi inaugurado pelo prefeito Gustavo Fruet no sábado (25), no bairro Rebouças. A unidade Vila Torres já abre com 1.693 famílias cadastradas, que faziam compras em outros Armazéns, e a expectativa é de que agora o total chegue a cerca de 3,2 mil. Essas pessoas terão acesso a mais de duas centenas de itens de alimentos e produtos de higiene e limpeza com preços entre 30% e 50% mais baratos que os praticados no mercado.

A artesã Maria de Fátima Cação Teixeira, 60 anos, e a dona de casa Edith Barros Simionato, 64 anos, aguardavam ansiosas a abertura do Armazém e foram as primeiras a ir às compras. As duas moram a duas quadras do novo equipamento e tinham o hábito de ir até a Praça Rui Barbosa para abastecer a casa. “Trazer as compras de lá não era fácil. Sem o Armazém, não sobraria nenhum dinheiro no final do mês. Ele representa tudo para a gente”, diz Edith, que recorre ao Armazém da Família há três anos.

Já Maria de Fátima está debutando nos corredores dos Armazéns curitibanos. Ela chega ao mercado em poucos minutos e alguns passos. “A qualidade é ótima. Não tem o que questionar. O Armazém é essencial. O que tem aqui supre as nossas necessidades e ainda sobra um dinheirinho para comprarmos gás, fralda e outros itens ao longo do mês”, relata a artesã.

Momento de crise
Durante a inauguração, o prefeito Gustavo Fruet lembrou que ter acesso a produtos de qualidade com preços mais acessíveis é essencial em um momento de crise econômica como o enfrentado pelos brasileiros atualmente. “Aqui, as pessoas têm acesso a produtos de excelente qualidade, com preços entre 30% e 50% mais baratos que o dos mercados. A economia que fazem circula por outros serviços e fortalece toda a região”, disse Fruet. Como exemplo, uma cesta com 100 itens diversos custa R$ 270,09 no Armazém da Família e R$ 417,57 em supermercados – uma economia de 35,32%.

Segundo o secretário municipal do Abastecimento, Marcelo Munaretto, a abertura de uma unidade do Armazém da Família nas proximidades da Vila Torres era pedida pela população há mais de uma década. “Nunca conseguimos atender essa demanda e, agora, temos o Armazém da Família Vila Torres perto de uma das comunidades com o perfil do programa. Essa economia muitas vezes permite que essas famílias tenham mais refeições ao longo do dia”, afirma Munaretto.

Também participaram da solenidade de abertura do Armazém da Família Vila Torres os vereadores Pedro Paulo e Paulo Salamuni.

Serviço

Para fazer compras nos armazéns de Curitiba, a família deve morar na cidade e possuir renda máxima familiar de 3,5 salários mínimos nacionais. O cadastro deve ser feito no Núcleo Regional da Secretaria Municipal do Abastecimento do seu domicílio, onde deverá ser apresentada a documentação exigida.

O Armazém da Família Vila Torres conta com uma variedade de 220 produtos, entre alimentos e itens de higiene e limpeza. O equipamento está localizado na Rua Iapó, 253 e funcionará das 8h45 às 17h15, de terça a sexta-feira, e das 8h30 às 13 horas, no sábado.

Fonte: Prefeitura de Curitiba
Foto: Gabriel Rosa – SMCS

Prefeito Gustavo Fruet participa da inauguração do Armazém da Família Vila Torres. Foto: Gabriel Rosa/SMCS

Realização: