Vila Torres Digital

Projeto Sinergia garante o desenvolvimento social da Comunidade

A ideia de produzir bolsas a partir da reutilização de retalhos de banners tornou-se um sucesso e já possui ótimos resultados.

| Notícias - 06/06/2012 13:36

Há dois anos, a moradora da Vila Torres Irenilda Arruda começou uma ideia empreendedora, o Projeto Sinergia. O projeto, no papel, é bem simples: produzir bolsas a partir da reutilização de retalhos de banners. Na prática, a pequena empresa se tornou um sucesso e já possui ótimos resultados.

Durante o primeiro ano de existência, foi elaborado todo um programa para capacitar as costureiras, sendo elas próprias moradoras da comunidade, e também para reunir os equipamentos, preparar o espaço físico e os primeiros materiais necessários. Já no segundo ano, o projeto começa a produzir bolsas a todo vapor, próprias para a venda no atacado. Com um custo mínimo de matéria-prima, uma vez que os banners são todos doados, o projeto atualmente produz cerca de 100 bolsas por dia, e isso com apenas três costureiras.

Além de bolsas, as mulheres também produzem produtos como ecobags, nécessaires e aventais. Com uma confecção de produtos ecologicamente corretos, as bolsas também contam com um alto nível de qualidade e beleza. O seu sucesso proporcionou fazer várias parcerias com grandes empresas para a sua venda, como FIEP, UniBrasil, Fundação Cultural de Curitiba, e também conseguir vende-las até no exterior.

A meta agora, explica dona Irenilda, é conseguir vender as bolsas no mercado de varejo. “Entrando no varejo, além de ganharmos mais em cima de cada bolsa, as nossas costureiras trabalhariam mais tranquilas, sem a pressão de ter que produzir em grandes escalas para o atacado.”

Para quem quiser adquirir uma bolsa do Projeto Sinergia, pode comprar direto na fábrica, que atualmente está junto com o Clube de Mães da Vila Torres. O preço das bolsas varia, custando R$5,00 as mais simples, até R$120,00, as mais elaboradas.

Realização: